A importância da água para as crianças e os adultos

linha_baby_agua2

No dia-a-dia, muitas pessoas bebem pouca água, isso inclui as mamães e futuras mamães. Em consequência desse mau hábito, as mamães não oferecem água para seus filhos, ignorando a importância da hidratação diária das crianças.

Um bebê que é AMAMENTADO NÃO NECESSITA DE ÁGUA, chá ou suco. O LEITE MATERNO oferece ao bebê até os 6 meses de idade QUANTIDADE DE ÁGUA SUFICIENTE PARA SUA HIDRATAÇÃO.

Como o estômago e intestino do bebê até os seis meses de vida ainda estão imaturos, mesmo uma “inocente” água pode provocar diarreia e vômitos, aumentando as chances de desidratação.

Por isso, nessa etapa da amamentação, quem precisa de muita água para garantir quantidade de nutrientes suficiente para o leite materno é a mamãe.

Para os bebês alimentados com fórmulas, leite de vaca ou então que já passaram dos seis meses e que estão se alimentando de outros alimentos, a oferta de ÁGUA é extremamente NECESSÁRIA para hidratá-los.

Ofereça água quando a criança estiver acordada. Deve-se aumentar a oferta de líquidos nos dias quentes e quando o bebê estiver com febre. CRIANÇAS PRECISAM MAIS DE ÁGUA do que um adulto, pois são mais susceptíveis ao stress por calor já que possuem pouca massa corporal e com isso absorvem mais calor. Também tem uma menor capacidade de suar que os adultos, tendo assim menos capacidade de dissipar o calor do corpo.

➡️ Dicas importantes:

❇️ A água deve ser preferencialmente filtrada ou fervida (pelo menos 5 minutos, e deixar esfriar antes de servir);

❇️ O ideal é levar água de casa e evitar comprá-la de ambulantes;

❇️ Prefira água ao invés de sucos, mesmo os naturais;

❇️ Quando sentimos sede é porque a desidratação foi iniciada. Então, estimule a ingestão de água ao longo do dia para não sentir sede;

❇️ Crianças quando brincando vão evitar a todo custo parar a brincadeira, nem que para isso fiquem apertados para fazer xixi ou com a garganta seca de sede. Evite isso, chame-a e pergunte se precisa ir ao banheiro e faça com que beba água;

Fonte: guiadobebe.uol.com.br

Anúncios